Esmola

Eu o abraço em mim, com força suficiente para fazer ele grunhir. Eu acho que eu o magoei porque ele escorrega pelo meu estômago, passando pela minha virilha, e ajoelha-se na passarela de pedra. Ele está usando cut-offs e, por um segundo estúpido, eu me preocupo com os joelhos dele. Ele luta um pouco para encontrar meu zíper, mas eu apenas desaperto meu cinto e deixo meu jeans cair. Eu quero sentir meu rabo nu no vento, minha piça fora na noite molhada.

Esmola Leia mais "